Digite o código para ir direto ao produto

Notícias

e-Newsletter Outubro

02/02/2012

0

  • Por que utilizar o cabo CAT.6A blindado (F/UTP)? 
  • Bem-vindo ao Novo Portal Furukawa
  • 2ª edição do Torneio de Golfe Furukawa reuniu amadores e profissionais em competição beneficente
  • T-Systems adota infraestrutura de redes Furukawa em seu novo complexo de Data Centers no Brasil
  • Vídeo: Furukawa - A infraestrutura presente na Copa do Mundo de 2014

Documentos

Veja mais

Cabos ópticos Furukawa em residências, escolas e empresas australianas

12/12/2011

0

Nova rede FTTx proverá inicialmente velocidades de até 100 Mbps

A OFS (Optical Fiber Solution), empresa do Grupo Furukawa , acaba de ser selecionada pelo governo australiano para fornecer soluções de conectividade ao maior projeto de infraestrutura FTTx  já realizado naquele país. A nova rede de banda larga nacional de altíssima velocidade, sob responsabilidade da National Broadband Network of Australia (NBN Co), atenderá  93% das residências, escolas e empresas australianas provendo, inicialmente, velocidades de até 100 Mbps.  Os assinantes remanescentes ( 7%) da nova rede FTTx australiana serão conectados através de uma combinação de tecnologias sem fio e via satélite,  que poderão fornecer velocidades de até 12 Mbps, em nível de atacado.

“Esta negociação com o governo australiano é mais uma referência quanto a qualidade das soluções Furukawa em redes de altas taxas de transmissão com custo efetivo para o mercado de FTTx. As tecnologias OFS, aplicadas no projeto australiano, já estão disponíveis ao governo e operadoras de telecom no Brasil e podem ser testadas onsite a partir dos nossos laboratórios  localizados na matriz da Furukawa em Curitiba/PR.”, comenta Foad Shaikhzadeh, presidente...

Veja mais

Furukawa torna-se membro oficial do Green Building Council Brasil

10/11/2011

0

Fabricante de soluções de infraestrutura de redes de telecomunicações apóia movimento para a construção sustentável no Brasil

A Furukawa acaba de tornar-se membro oficial do Green Building Council (GBC Brasil). A partir de agora, a indústria do setor de telecomunicações pode compartilhar e ter acesso a processos, metodologias, projetos, materiais, produtos, empreendimentos e serviços voltados ao mercado da construção sustentável.

 “Tornar-se membro do GBC Brasil evidencia nosso engajamento no mercado da construção sustentável. Além das práticas de Green Building em nossas instalações produtivas,  nossas soluções de infraestrutura de redes estão comprometidas com a sustentabilidade, certificadas como ecologicamente corretas. Além disso  temos um programa de responsabilidade compartilhada forte, o Green IT Furukawa, que já envolve centenas de organizações de todos os setores econômicos, os  parceiros de distribuição e integração para transformar cabos e materiais de geração anteriores em matérias-primas, que são reaproveitadas por diversas outras indústrias no Brasil”, diz Roberto Kihara, gerente comercial da Furukawa.

SERVIÇO...

Veja mais

Certificado Verde na Copa do Mundo 2014

28/10/2011

1

Depois de devolver para reaproveitamento todo o cabeamento utilizado na infraestrutura de comunicação do Preliminary Draw - o sorteio das eliminatórias da Copa do Mundo 2014, realizado em julho pela FIFA na Marina da Glória -, a Oi recebeu, no dia 22 de outrubro, o Certificado Verde do Programa Green IT da multinacional Furukawa.

O programa Green IT, focado no tratamento correto de resíduos de cabos e acessórios descartados por empresas clientes, gera economia na produção de equipamentos através da reciclagem, evitando o descarte inadequado no meio ambiente e racionalizando a utilização de recursos não renováveis.

 

Fonte: http://oglobo.globo.com/blogs/ecoverde/post.asp?cod_post=412266

Veja mais

Datacenter brasileiro ganha prêmio por ser sustentável

25/10/2011

0

A primeira edição brasileira do Datacenter Leaders Awards, realizada em 2011, premiou as empresas de Tecnologia da Informação que mantêm datacenters e se preocupam com questões de sustentabilidade, responsabilidade ambiental e obrigações coorporativas. O prêmio de Datacenter Sustentável foi entregue à T-Systems, da Deutsche Telekom, por ter uma unidade planejada com conceito de eficiência energética.

O banco de dados fica em uma área de 1,8 mil metros quadrados em Tamboré, na Grande São Paulo, e é composto por equipamentos ligados a um sistema configurado para consumir menos energia. Além disso, a unidade usa servidores da Intel desenvoldidos para permitir melhor integração com refrigeradores de ar, entre outros componentes.

A estrutura permite que o datacenter atinja um aproveitamento de energia de 1,54 PUE (Power Usage Efectiveness), unidade que mede quanto da eletricidade de um datacenter é usada, realmente, para o processamente e o armazenamento de dados. A média atual em datacenters tradicionais fica entre 1,7 e 1,8 PUE, segundo a T-Systems.

"O projeto da unidade é um dos mais robustos e confiáveis do segmento", explica André Almeida, chefe de serviços e soluções de computação na T-Systems do Brasil. O datacenter é um dos 74 que a alemã gerencia no mundo, em uma área total de mais de 120 mil metros quadrados.

Veja mais